domingo, 13 de junho de 2010

Bruto nasceu,bruto há-de morrer

Provei recentemente a minha última garrafa de Qtª Macedos 2001 (1 de 2750 produzidas).Confesso que a abri com algum receio,mas o vinho, embora bruto como as casas, está cheio de vigor.A côr a não indiciar a idade que tem,aroma presente com notas tabaco e couro, boa acidez, grande estrutura de boca e final ainda longo.Nota 18 (noutras situações 17/18/17,5+).Quem o tiver bem guardado não tenha pressa em o beber.Aguenta seguramente mais 5/6 anos com saúde.
Produzido e engarrafado por Paul Reynolds, a partir de vinhas velhas, sendo a Touriga Franca a casta maioritária.Foi vinificado em lagares e estagiou 20 meses em barricas de carvalho francês.

Sem comentários:

Enviar um comentário