sexta-feira, 20 de agosto de 2010

Como vamos de vinhos nos Museus ?

A resposta, pelo menos em relação ao Museu Nacional de Arte Antiga, é : mal ! Os visitantes daquele espaço mereciam melhor. Este museu tem óptimas condições, nomeadamente o jardim com vista para o Tejo, onde se pode comer desde que o tempo esteja de feição.
A comida, fornecida por uma empresa da qual não consegui reter o nome, é aceitável, mas no que respeita aos vinhos é tudo mau. Não tem sequer lista de vinhos organizada, limita-se a meia dúzia de referências com pouco interesse, os copos praticamente sem pé são da treta, embora eu tivesse vislumbrado numa prateleira alguns aceitáveis ( questionado o empregado, respondeu-me que eram montra !? ), os tintos são servidos à temperatura ambiente (estariam à volta de 25º ! ). Só desgraças...
Ó Dra Gabriela Canavilhas, então não pensaram que uma boa parte dos visitantes é estrangeira, que vem beber um pouco da nossa cultura ? E que acabam por beber, também, zurrapas ainda por cima em caldo ? Francamente...

Sem comentários:

Enviar um comentário