quinta-feira, 7 de abril de 2011

Vinhos em família (XI)

Mais uns tantos vinhos provados descontraidamente em família ou com os amigos. Tudo às claras. Portaram-se todos bem e, portanto, não houve desgostos.
.Qtª dos Frades Vinhas Velhas 08. A Revista de Vinhos, em Fevereiro de 2011, atribuiu-lhe um dos seus Prémios Excelência. Trabalho enológico do Anselmo Mendes. Aroma discreto, notas de tabaco, especiado, muito fresco, bom final de boca, todo ele harmonioso, mas falta-lhe uma maior profundidade para dar o salto. Preço cordato. Nota 17,5.
.Pintas 01 (a minha última garrafa). Produzidas 5000, a partir de vinhas com mais de 80 anos. Complexidade aromática, equilibrado, vivacidade e acidez, profundidade, harmonia, final longo. Em forma mais 5/6 anos. Um vinho de classe mundial e um dos melhores Pintas que bebi até hoje. Nota 18,5+ (noutras situações 18/17,5/19/17/18/18,5/17/17,5).
.Ferreirinha Reserva Especial 94. Côr ainda bem viva, notas de especiarias, acidez presente a prolongar-lhe a vida, perdeu alguma potência de boca, mas ganhou em elegância e sofisticação, final longo. Rolha impecável. Nota 18.
.Qtª Noval Colheita 64 (engarrafado em 2007). Aroma complexo, frutos secos predominantes, iodo, acidez, boca poderosa, grande profundidade, final extenso. Um grande vinho do Porto. Nota 18,5 (noutras 18,5+/18,5).

Sem comentários:

Enviar um comentário