terça-feira, 3 de janeiro de 2012

2011 : na hora do balanço (II)

Os vinhos seleccionados foram todos provados no decorrer do ano 2011, uns às claras em família ou com amigos e outros às cegas com o grupo dos 3, 3+4 ou amigos do Raul. Foram dezenas de provas e centenas de vinhos testados. Elegi 10 de cada tipo (brancos e tintos de mesa e fortificados). Muitos ficaram de fora e, se calhar, mereciam ter sido os eleitos. Algumas injustiças cometi, mas paciência.É a vida!
BRANCOS
1.Soalheiro Alvarinho Reserva 07 (18,5)
2.Soalheiro Alvarinho 1ª Vinhas 07 (18)
3.Parcela Única Alvarinho 09 (18)
4.Projectos Niepoort Chardonnay 04 (18)
5.Redoma Reserva 05 (17,5+)
6.Qtª dos Carvalhais Encruzado 07 e 09 (17,5+)
7.Qtª das Bageiras Garrafeira 09 (17,5+)
8.Morgado Stª Catherina 08 (17,5+)
9.CARM Reserva 09 (17,5+)
10.Fundação Oriente Colares 08 (17,5+)
De realçar a prestação da casta Alvarinho que obteve os 3 primeiros lugares e, ainda, a posição conquistada por 2 brancos de regiões não muito badaladas, Bucelas e Colares.
TINTOS
1.Robustus 04 (19)
2.Batuta 01 (18,5+)
3.Pintas 01 (18,5+)
4.Kompassus Private Seleccion 05 (18,5+)
5.Ferreira Vinhas Velhas 07 (18,5+)
6.Herdade do Peso Icone 07 (18,5)
7.Três Bagos Grande Escolha 04 e 05 (18,5)
8.Qtª do Crasto T.Nacional 01 (18,5)
9.CARM BOCA 04 (18,5)
10.Terrus 05 (18,5)
Maioria esmagadora do Douro e destaque para as posições alcançadas por um baga bairradino e um alentejano. Tiro também o chapéu ao nosso BOCA e ao Terrus, que passou completamente ao lado da crítica.
FORTIFICADOS
1.Moscatel Superior 55 JMF (19,5)
2.Moscatel 52 JMF (19,5)
3.Blandy Terrantez 75 (19)
4.Blandy Bual 68 (19)
5.Krohn Colheita 61 (19)
6.FMA Bual 64 (18,5+)
7.Blandy Bual 48 (18,5+)
8.Blandy Bual 71 (18,5+)
9.Blandy Verdelho 40 Anos (18,5+)
10.Blandy Verdelho 73 (18,5+)
Apesar da quase omnipresença dos Madeiras, o que vai sendo uma rotina, desta vez o meu destaque vai para os Moscateis da JMF que conquistaram os dois primeiros lugares. Uma palavra de apreço para o Colheita da Krohn que bem a merece.

Sem comentários:

Enviar um comentário