quarta-feira, 25 de julho de 2012

Petiscos em Lisboa (IV)

Já tem quase 1 ano a minha 1ª crónica à volta dos petiscos em Lisboa (ver em 11/9/2011), referindo o conceito WE Wine Element, com o primeiro wine bar a abrir na Lx Factory, dentro da Livraria Ler Devagar, neste momento já descontinuado. Entretanto abriram mais 2, um junto da Estação do Rossio e o outro na Rua Braancamp, 72.
Visitei este último há pouco mais de um mês. Espaço muito agradável e aconchegado, especialmente no piso superior, aposta forte nos petiscos com uma boa oferta de tapas combinadas, queijos, enchidos, etc. Mas também tem, de 2ª a 6ª feira, um menú a 7,50 €, com direito a sopa, prato (a escolher entre 2), bebida (água, sumo ou copo de vinho) e café. Serviço profissional, com a garrafa a vir à mesa e o vinho dado a provar. Copo de qualidade, marcado com 15 cl (uma boa medida), evitando que se sirva a olho como é habitual na maior parte dos locais com vinho a copo.
A lista, normalizada, inclui todos os vinhos em que o João Portugal Ramos participa, sendo neste momento  23 que abrangem  as regiões Alentejo, Douro, Tejo e Beiras. Fora deste universo, aparecem alguns vinhos fortificados (Burmester Tawny e Extra Dry, Madeira Henriques e Henriques e, ainda, Moscateis de Favaios e de Setúbal) e o Muralhas (não poderiam ter sido mais originais?). Lamentavelmente, os vinhos aparecem sem indicação do ano de colheita, e os preços, da garrafa e a copo, poderiam e deveriam ser mais acessíveis, uma vez que a J.Portugal Ramos é parceira no projecto.
O vinho da casa, que acompanhou o menú, foi o Conde Vimioso 2011 branco - simplesmente correcto, pouca acidez, algo pesado e curto na boca. Nota 13.
Em conclusão, um espaço simpático onde se pode almoçar ou petiscar e beber um copo ao final da tarde.

Sem comentários:

Enviar um comentário