quinta-feira, 25 de outubro de 2012

O rescaldo do Lisboa Restaurant Week (LRW)

Embora com um atraso de cerca de 1 mês, vou referir nesta crónica as minhas impressões do último LRW. Restaurantes visitados, onde já não ia há alguns anos: Vela Latina (V), Tágide (T) e Colares Velho (C).
1.O ambiente
.V - decoração sóbria, estilo clássico "very british", luminosidade em fartura à conta de duas paredes envidraçadas
.T - simpático, requintado, acolhedor e uma vista espectacular
.C - intimista, adaptado de uma antiga mercearia, conserva os antigos armários, estilo rústico e um tanto "kitsh"
2.O menú
.V - couvert (vários tipos de pão de qualidade, azeite, queijo fresco e salmão fumado), creme aveludado de santola (excelente), fígados de aves em tarte de maçã (alternativa: bacalhau com migas de pão de milho) e tiramisú com Pedro Ximenez; chefe...?
.T - couvert (pão, azeite e azeitonas), capuccino de couve flor com salmão fumado, bochechas de porco preto com especiarias e esparregado (ou: polvinhos em carnaroli de Alcácer do Sal cremoso) e gaspacho de frutos vermelhos com gelado de natas (ou: bolo de bolacha, gelado de wassabi, frutos secos com chocolate quente); chefe Luis Santos
.C - couvert (pão de forma saloio, manteiga com ervas, azeitonas, saladinha de tomate com oregãos e tostinha com sabores terra e mar), croquetes de alheira com salada biológica, molho de iogurte e hortelã, bacalhau à Zé do Pipo com puré de batata, aipo e lâminas de maçã de Colares e, ainda, pastel de nata com gelado de canela; queijadinhas de amêndoa com o café; chefe Frederico Ferreira (usa boina à Chakal)
3.A carta de vinhos
.V - carta organizada por preços e algo confusa, desequilibrada, com boas ofertas, mas demasiado clássica (faltam as novidades e os vinhos da moda), ausência de generosos, preços altos (alguns demenciais), mas tudo datado; oferta diminuta de vinhos a copo
.T - oferta alargada e criteriosa, com 5 espumantes (3 a copo), 7 champanhes, 28 brancos (6), 3 rosés (1), 29 tintos (7), 2 colheita tardia, 1 Madeira, 2 moscatéis e 8 Porto (todos a copo); tudo datado e preços altos
.C - selecção média sem grandes rasgos, com 3 espumantes (2 a copo), 7 champanhes (1), 26 brancos (3), 20 tintos (5), mais 14 tintos a que chamam "da cave"; tudo datado, preços acima da média
4.Serviço de vinhos
.V - bebeu-se Cartuxa 2010 branco - notas de citrinos e melão, untuoso, mas com boa acidez, madeira ainda a marcar o vinho, alguma profundidade (Nota 16,5+); a garrafa veio à mesa e o vinho dado a provar; custou 5 € servido em bom copo Schott, quantidade servida a olho
.T - escolheu-se o tinto Qtª La Rosa 2009 - algo verde e rústico, está demasiado novo e precisa de tempo de garrafa ( o meu palato já não está habituado a provar vinhos tão novos) (Nota 15); serviço profissional, servido num bom copo, quantidade a olho, temperatura correcta (o restaurante possui armários térmicos); custou 5,50 €
.C - avançou o branco Casal da Azenha, lote de 2008 - vinho austero e original, mostrou personalidade, acidez equilibrada, estrutura e deveras gastronómico; uma boa surpresa, este Colares (Nota 16,5); a garrafa veio à mesa e o vinho dado a provar, custou 5 €, copo aceitável, quantidade servida a olho
5.Os preços e os postais
A refeição custava 20 €, sendo 1 € doado a causas sociais. Só o V é que facturou 19 €, tendo 1 € sido pago à parte. Era pressuposto que, no final de cada refeição, o restaurante entregasse a cada cliente um postal comprovativo. Aliás, pode ler-se "(...) Por isso leve este postal. Só desta forma garante o seu contributo a favor das instituções beneficiárias."  E aconteceu assim?  Não, apenas o Vela Latina entregou os 2 postais, enquanto que o Colares Velho entregou apenas 1 e o Tágide nenhum!
Nenhum dos 3 restaurantes cobrou couvert, o que acho correcto (no passado houve um ou outro que cobraram).
Água: 2 € no V e no C e 2,80 no T
Café: 1,75 € no V, 2;80 no T e 1 no C (grandes discrepâncias!)
6.A fechar
De um modo geral correu tudo bem, o que me motiva a estar presente no próximo LRW. Apenas uma nota menos simpática: enquanto estivemos no Colares Velho, a dona(?) esteve sentada numa mesa em grande conversa com 2 clientes, ignorando ostensivamente os restantes. Não havia necessidade...

Sem comentários:

Enviar um comentário