segunda-feira, 22 de abril de 2013

O Papa, o IVDP e o Vitor Gaspar

Leio no Diário de Notícias de 19/4 um apontamento intitulado "Francisco recebe novo embaixador português e uma garrafa de Porto", sendo este Francisco, obviamente, o Papa. Fiquei intrigado e confirmei a notícia junto da Agência Ecclesia e a Gaudium Press Roma, para que não houvesse qualquer dúvida.
Ambas se referem que o novo embaixador junto da Santa Sé, António Almeida Ribeiro, na cerimónia de apresentação das respectivas credenciais, foi portador de uma garrafa de Vinho do Porto 20 Anos, oferta do presidente do IVDP (Instituto dos Vinhos do Douro e Porto).
Um Porto 20 Anos? Francamente, ó senhor presidente do IVDP, então não dispunha de um 40 Anos ou, no mínimo, de um 30 Anos? Ou foi o nosso Ministro das Finanças que não autorizou a verba para esse efeito?
Qualquer que seja a justificação, não ficámos bem na fotografia! Como oferta de Estado a Estado é, simultaneamente, caricato e triste...

1 comentário:

  1. assim que o gaspar viu que este novo papa não era dado a luxos e aprecia a simplicidade, aproveitou logo para mandar baixar o nível do presente... hahaha

    ResponderEliminar