sexta-feira, 16 de agosto de 2013

Quadro de Honra de Vinhos da Madeira

1.Por casta
Estão eleitos 41 (mais 4 do que há 1 ano), ou seja, 14,1 % do total dos QH e 45,6 % dos fortificados, ultrapassando as percentagens atribuídas aos Vinhos do Porto. Desagregando estes 41, obtem-se:
.Bual - 17 (41,5 % do total dos Madeiras)
.Verdelho - 9 (21,9 %)
.Terrantez - 6 (14,6 %)
.Malvasia - 5 (12,2 %)
.Sercial - 4 (9,8 %)
Grande destaque para a casta Bual, a casta que mais tenho provado.
2.Por produtor/marca
.Madeira Wine - 31 (23 Blandy, 6 Cossart Gordon, 1 Leacock e 1 Miles)
.Artur Barros e Sousa - 5
.FEM - 2
.FMA - 2
.Adega do Torreão - 1
Falta o produtor do Malvasia 1879, cujo nome não retive.
A minha iniciação devo-a à marca Artur Barros e Sousa, mas quando "descobri" a Blandy, foi amor à primeira  degustação. Representar mais de 50 % (56,1 % em rigor) dos Madeiras eleitos para o QH é obra.
3.Por anos de colheita
.século XIX - 3 (1814, 1879 e 1891)
.até à década de 50 do século XX, inclusivé - 5 (1905, 1920, 1934, 1948 e 1958)
.década de 60 - 10 (60, 63, 64, 66, 68 e 69)
.década de 70 - 10 (71, 73, 74, 75, 76 e 77)
.século XXI - 1 (2004)
.40 Anos - 2
De realçar a concentração nas décadas de 60 e 70, com 20 eleitos, ou seja 48,8 %.
4.Os melhores entre os melhores
.com 19,5 - 6 (Adega do Torreão Terrantez 1905, Blandy Solera Bual 1891, Blandy Bual 1920, 1948, 1964 e Miles Bual 1934)
.com 19+ - 1 (Blandy Bual 1977)
.com 19 - 10 (Blandy Terrantez 1969, 1975, 1977, Cossart Terrantez 1977, Blandy Verdelho Solera, FEM Verdelho, Blandy Bual 1963, 1968, 1969 e 1971)
De realçar a casta Bual com 10 dos melhores entre os melhores em 17 eleitos (58,8 %) e a Terrantez com 5 em 6, quase a fazer o pleno!
A terminar, tenho a consciência que sou um privilegiado, ao pertencer a uma tertúlia à volta dos Vinhos da Madeira, animada pelo nosso amigo madeirense Adelino de Sousa e em partilha com outros amigos e militantes destes vinhos.
Se tivesse que levar uma garrafa para uma ilha deserta era, de certeza, um Madeira!

2 comentários:

  1. Meu Caro Francisco, sou um frequente seguidor de alguns Blogs de Vinhos e particularmente do seu, de onde tenho tirado alguns benefícios. A informação que coloca ao dispor dos leitores é muito útil, e sei que aproveitada, por muitos, "Enófilos Amadores", para fazerem compras para as suas garrafeiras.

    Parabéns por mais este excelente trabalho do Quadro de Honra. Só um grande Amante de Vinhos consegue fazer tal tarefa.

    Uma palavra para esse grande Enólogo de Vinhos Madeira, Francisco Albuquerque, vencedor destacado com 56,1%.
    Alfredo Penetra

    ResponderEliminar
  2. Obrigado Alfredo pelas suas palavras amigas.
    A bem do vinho de qualidade! Um forte abraço,
    Francisco

    ResponderEliminar