sábado, 1 de fevereiro de 2014

Curtas (XXIII)

1.Tratado do Petisco
Saíu em finais do ano passado este "Tratado do Petisco e das grandes maravilhas da cozinha nacional", da autoria de Virgílio Nogueiro Gomes, professor e investigador na área da História da Alimentação, mas também gastrónomo e autor do site www.virgiliogomes.com (tenho um link para lá). Com prefácios da Maria de Lourdes Modesto e da Simonetta Luz Afonso, o livro dedica-se a "Petiscos, entradas e pão", "Sopas e caldos", "Açordas, migas e ovos", "Peixes, mariscos e caldeiradas", "Bacalhau, polvo e moluscos", "Arroz e feijoadas", "Carnes" e "Doçaria". Todos os capítulos acabam com um apelo a que se acompanhem as iguarias indicadas com um bom vinho. Para ler e chorar por mais...
À atenção dos gastrónomos.
2.Novamente o Oito Dezoito
O director do semanário Sol deve ter lido a minha crónica "Oito Dezoito revisitado", publicada em 25/8/2011. Em recente visita, constatei que, finalmente, os preços dos vinhos a copo já constam na carta de vinhos, embora os anos de colheita continuem omissos. Também verifiquei que os 2 equipamentos de controlo de temperatura e da quantidade servida (1 para brancos e outro para tintos), com capacidade para 8 garrafas cada, só continham 6.
Continua o menú de almoço a 8 €, com direito ao prato do dia, bebida (água?) e café, o que é barato. O prato era risoto de bacalhau, que vinha com sete espinhas! A minha mulher teve direito a 4. Convenhamos que 11 espinhas em 2 pratos, revela desatenção ou incompetência na cozinha.
Bebi um copo (4,50 €) de Qtª da Foz T. Nacional 2008 (?), segundo informação do empregado, que se mostrou apelativo, com muita fruta, mas um tanto rústico. Nota 16,5. O copo já vem servido e não há hipótese de se ver a garrafa. Este espaço tem afixado um diploma da ViniPortugal.
Música alta e serviço desatento. A evitar, absolutamente.
3.Baía do Peixe
No 1º andar do restaurante Baía do Peixe (Av. Dom Carlos I, nº 6, a caminho da Cidadela), pode-se comer rodízio de peixe a 13,90 €, com direito a sopa de peixe, 5 variedades de peixe (pregado, lulas, robalo, salmão e garoupa) que vão chegando à mesa e, ainda, sobremesa (a escolher da carta). Mais: tem uma vista deslumbrante para a baía de Cascais. É um achado. O único problema é que o rodízio se mantém inalterável ao longo do ano. Logo, não dá para ir muitas vezes.
A lista de vinhos é rotineira e sem os anos de colheita. Vinho a copo, nem devem saber como funciona. Bebeu-se uma meia garrafa de Tavedo 2012 branco (5,80 €) - nariz neutro, melhor na boca, presença de citrinos, acidez correcta, alguma gordura, volume médio e final curto. Nota 14,5+.
Serviço eficiente e simpático. Recomendo e tenciono voltar. 

 

1 comentário:

  1. “A VITÓRIA PERTENCE AO MAIS PERSEVERANTE..
    “O SUCESSO É A SOMA DE PEQUENOS ESFORÇOS”...

    Parabenizo e homenageio por meio deste o ESCRITOR VIRGILIO NOGUEIRO GOMES e toda equipe pelo lançamento do livro “TRATADO DO PETISCO E DAS GRANDES MARAVILHAS DA COZINHA NACIONAL”. Parabéns pelo EXCELENTE TRABALHO, DETERMINAÇÃO E PROFISSIONALISMO, realizado neste belíssimo trabalho e um brinde pelo SUCESSO! O potencial de trabalho de vocês é de grande valor para a comunicação brasileira. Recebam esta singela homenagem com meus sinceros votos de muitas realizações e planos futuros. Desejo nestas poucas palavras votos de muita SABEDORIA, CONHECIMENTO, ENTENDIMENTO e principalmente DISCERNIMENTO em todos os seus caminhos e muitos DIAS, SEMANAS, MESES E ANOS DE FELICIDADE E PROSPERIDADE, SAÚDE, PAZ, AMOR e que Deus estenda às mãos e acrescente 100 por cento de juros em cima de tudo isso.

    “A MAIOR RECOMPENSA PELO TRABALHO NÃO É O QUE A PESSOA GANHA, MAS O QUE ELA TORNA- SE ATRAVÉS DELE.”

    DESEJO SUCESSO!



    PAULINHO Solução
    www.paulinhosolucao.blogspot.com
    paulinhosolucao@gmail.com
    pssolucao@hotmail.com
    Salto/SP

    ResponderEliminar