terça-feira, 11 de março de 2014

Coisas do Arco do Vinho (CAV) : um viveiro de enófilos

Há muito prometida esta crónica sobre os enófilos que, de certo modo e uns mais que outros, cresceram connosco nos bons velhos tempos das CAV, ainda não tinha visto a luz do dia. Por lhes reconhecermos paixão pelo mundo do vinho e competência/qualidade como provadores, convidámo-los para fazerem parte do painel de prova das CAV. Eram todos clientes e enófilos militantes, a maior parte dos quais se veio a profissionalizar.
Os primeiros a dar esse passo, foram o Rui Falcão e o Pedro Gomes, ao publicarem com o Tiago Teles o "Guia 2004 de Vinhos Portugueses & Estrangeiros", ainda debaixo da capa da equipa Os5às8 (tenho, na minha biblioteca, um exemplar assinado pelos 3, uma simpática oferta dos autores).
 Mais tarde, o Rui Falcão iniciou a sua carreira a solo, integrando a equipa da Wine, colabora com o jornal Público e tem um blogue com o seu nome. Teve uma entrada fulgurante no mundo do vinho, já fez parte de juris internacionais e perfila-se como o sucessor natural do João Paulo Martins.
O Pedro Gomes, pelo seu lado, arrancou com o projecto "NovaCrítica-vinho", transformado recentemente em "NovaCrítica-vinho & gastronomia" e abraçou uma carreira de formador, na área dos vinhos. É autor de "A região demarcada de Bucelas: até quando...em pousio?", tese de licenciatura em Políticas Agrárias C.E.E..  
Anos mais tarde, outro fundador da equipa Os5às8, o João Quintela, apoiado pela família, abriu a Garrafeira Néctar das Avenidas e, em pouco tempo, organizou dezenas de jantares vínicos, provas e visitas a produtores. Faz parte do núcleo duro dos Vinhos da Madeira e consideramo-lo (o Juca e eu) o nosso herdeiro espiritual.
O Nuno Garcia, autor do blogue "Saca a Rolha" (tenho um link para lá), passou, há cerca de 1 ano, a fazer parte da redacção da Revista de Vinhos, onde já se publicaram crónicas da sua autoria. Esteve, a solo e em equipa, nalguns paineis organizados no último Encontro Vinhos e Sabores.
Não tendo (ainda) enveredado pela via profissional, é de toda a justiça destacar:
.o Rui Miguel, autor do conhecido blogue "Pingas no Copo", entusiasta, divulgador e militante dos vinhos do Dão, a solo ou em parceria com o Miguel Pereira, responsável pelo blogue "Pinga Amor". O Rui Miguel foi, ainda fundador do grupo Núcleo Duro (em parceria com o Jorge Sousa), do qual cheguei a fazer parte  durante alguns anos.
.o Francisco Esteves, autor do livro "Vinhos do Douro" (ed. Colares Editora), um trabalho de fôlego e 500 páginas de  informação sobre quintas e vinhos do Douro, ostensivamente ignorado pelas revistas da especialidade e omitido na página "Vinhos" que se publica semanalmente no Expresso.
.a Paula Costa, militante de vinhos de longa data e cofundadora da equipa Os5às8, chegou a ser distinguida pelas CAV num dos jantares "Vinhos no Feminino", a par de outras mulheres que se destacaram no mundo do vinho.
.a Luisa Corbal e o Artur Hermenegildo, um simpático casal de gastrónomos e enófilos, que intervêm de quando em vez no seu blogue "A Assinalar".
Não é de mais referir que todos os enófilos aqui citados (com excepção do Tiago Teles) pertenceram ao painel de prova das CAV, que chegou a internacionalizar-se com a presença de um finlandês (radicado em Portugal e professor no IST) e de um inglês (assessor da Embaixada Britânica).
Promessa, finalmente, cumprida!

5 comentários:

  1. Caro Francisco:
    Belos tempos! Um abraço.

    ResponderEliminar
  2. Um grande abraço: As CAV foram uma escola.

    ResponderEliminar
  3. Francisco,

    Recordar é viver! Bjs Paula Costa

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigado Raul,
      Obrigado Nuno,
      Obrigado Rui Miguel,
      Obrigado Paula,
      pelos vossos comentários.

      Eliminar