terça-feira, 27 de maio de 2014

Maria Catita Restaurante & Loja Regional

"Venderam-me" este espaço (Time-Out? Expresso Revista?), como se fosse representante da genuína cozinha açoriana. Puro engano: a inspiração açoriana fica-se pelo facto de um dos sócios ser casado com uma senhora daquelas ilhas. Está praticamente reduzida a 2 petiscos (fígado de porco à açoriana com batata doce frita, a 4 € e chicharrinhos fritos com molho crú dos Açores e batata doce, a custar 5,50 €), 1 entrada (polvo guizado) e 1 prato (polvo assado). Só que o prato e a entrada (esta em quantidade reduzida) têm o mesmo preço (13,50 €), o que não faz o mínimo sentido!
Mas, de qualquer modo, vale a pena a deslocação à Rua dos Bacalhoeiros nº 30, espaço aberto há pouco mais de 1 ano. Tanto a componente de restauração como a loja (conservas, compotas, azeites, queijos, vinhos, cervejas artesanais, etc), têm qualidade e merecem a visita. O espaço é confortável, as mesas estão bem atoalhadas, mas os guardanapos são de papel e destoam claramente. À atenção da gerência!
Comi peixinhos da horta (crocantes e ainda quentes, foram servidos num pequeno balde e envoltos em papel pardo, para absorver a gordura dos fritos) e o prato de polvo assado (mas que me pareceu antes guizado). Tudo com qualidade.
Quanto a vinhos, a lista não está devidamente datada, o que se critica, mas tem uma escolha suficiente para o tipo de clientela que frequenta aquela zona, apostando nas gamas baixa e média, embora inclua alguns pesos pesados, como é o caso do Pera Manca, Vale Meão e  Pintas 2011 (a 100 €, o que é uma pechincha para os turistas endinheirados). Os tintos estão, lamentavelmente, à temperatura ambiente, o que em tempo quente é dramático. Um aspecto a rever.
A copo, inventariei 7 brancos, 5 tintos, 1 rosé, 8 Portos, 2 Madeiras e 2 Moscatéis, oferta mais do que suficiente. Optei por um copo do branco Passa 2013 (3,50 €) - frutado, citrinos a imporem-se, fresco, descomplicado, belíssima acidez, elegância e final curto. Nota 16+. A garrafa veio à mesa, o vinho dado a provar em bom copo e em quantidade generosa. Serviço eficiente, simpático e profissional. Nota alta para a Sónia.
Resta dizer que aproveitei para comprar, a bom preço, algumas conservas da marca Belamar (Vila do Conde), uma raridade muito difícil de encontrar no mercado.
Concluindo, recomendo e tenciono voltar.

Sem comentários:

Enviar um comentário