sábado, 16 de agosto de 2014

Os comeres no Mercado da Ribeira : Henrique Sá Pessoa

Depois de ter dedicado as 2 primeiras crónicas aos chefes Marlene Vieira e Vitor Claro, hoje é a vez do mediático Henrique Sá Pessoa, o dono do restaurante Alma e presença constante nas nossas televisões. A ementa é simples, com 4 referências em cada secção (saladas, sandes de comer à mão, peixe, carne e sobremesas). Aparentemente, nada de muito requintado, mas tudo o que comi tinha qualidade. Numa 1ª visita optei por uma salada de couscous com requeijão de Seia (5 €) e o bacalhau com puré de grão (8 €); numa 2ª fiquei-me pelas bochechas de porco com puré de batata e couve lombarda (9 €).
De salientar que o serviço nesta banca  está muito bem organizado. No acto do pagamento entregam-nos uma espécie de disco que apita para avisar o cliente que está tudo pronto. Genial! Será por isso que é, das bancas de chefes, a que mais procura tem? Tavez...
Quanto a vinhos a copo, esta banca tem um wine cooler, com capacidade para 8 garrafas, para manter a temperatura adequada ds garrafas em serviço, o que é de louvar. Inventarirei 1 espumante, 4 brancos, 4 tintos, 1 Moscatel de setúbal e 1 Porto Ruby, mas sem nada que chame muito a atenção. Pelo contrário, tem pelo menos 1 referência, francamente mais cara, que também existe na banca do Esporão. Isto não faz sentido, pois não deveria haver concorrência aos vinhos que estão nas bancas do João Portugal Ramos e do Esporão.
Optei, pois, por ir buscar vinhos a copo a estas últimas bancas:
.na João Portugal Ramos, o branco Tons de Duorum 2013 (2,50 €) - fresco, frutado, notas minerais, , algum volume e final de boca; uma boa surpresa e excelente relação preço/qualidade. Nota 16,5+.
Esteve muito bem com a salada, mas não aguentou o bacalhau.
.no Esporão, o tinto Reserva versão magnum (5 €) - muita fruta, acidez equilibrada, notas especiadas, taninos macios, volume de boca e final longo. Gastronómico, a ligar bem com a bochecha. Nota 17.
Ambos os vinhos foram servidos em bons copos numa quantidade generosa, a temperaturas aceitáveis.
A terminar :
.constatei em qualquer das visitas, que o serviço de limpeza continua muito eficaz e sempre em cima do acontecimento. Oxalá continuem assim.
.não me canso de levar para o meu jantar, os croquetes da Croqueteria (1,50 € cada): muito bom o tradicional e excelente o de alheira de caça com grelos. Recomendo.

Sem comentários:

Enviar um comentário