terça-feira, 19 de julho de 2016

Balcão da Esquina : novidade no Mercado da Ribeira

O chefe Vitor Sobral abriu mais uma Esquina em Lisboa. Depois da Tasca da Esquina e da Cervejaria da Esquina (agora Peixaria da Esquina), temos o Balcão da Esquina que ocupou o espaço da Alôma, no Mercado da Ribeira.
Quando lá fui, recentemente, contabilizei mais pessoal do que clientes, pois estavam 1 gerente, 5 cozinheiros/empregados de mesa e 2 empregadas de apoio à esplanada. Pelo menos, por aqui, há uma política anti desemprego.
De um modo geral, os pratos aqui são caros, claramente acima dos preços praticados pelos outros chefes. Joguei à defesa e comi uma chamuça de carne (2 €) e o famoso prego de atum com mostarda (9,50 €), que me pareceu uns furos abaixo do original, servido na antiga Cervejaria da Esquina.
Quanto a vinhos, a lista não indicava os anos de colheita e apresentava alguma faltas. Inventariei 2 espumantes, 6 brancos, 5 tintos, 3 Portos, 1 Madeira e 1 Moscatel, todos bebíveis a copo.
Optei pelo branco Paulo Laureano Vinhas Velhas, mas que afinal não tinham e substituiram pelo Premium 2010 (4 €), sem qualquer aviso prévio. Francamente!
A garrafa veio à mesa e o vinho dado a provar - mostrou-se oxidado, no limite do suportável, aroma fechado, alguma acidez e volume, gastronómico mas demasiado pesado. Nota 13.
Uma nota simpática, depois de alguns pormenores criticáveis: o copo de vinho não foi cobrado, tendo-me sido garantido que aquele vinho iria ser retirado da carta.
Só espero que quem lá for, tenha uma experiência melhor que a minha...

1 comentário:

  1. Uma refeição numa "cantina" por € 15,5 não se pode dizer que seja barata. E tem-se visto que nem todos os conceitos conseguem sobreviver naquele espaço e nos outros semelhantes. Mas é como tudo, quem tem unhas toca guitarra.

    ResponderEliminar