quinta-feira, 3 de novembro de 2016

Vinhos em família (LXXV) : ainda os brancos

Mais uns tantos vinhos (4 brancos do Douro e 1 fortificado açoreano) provados em família, com os rótulos à vista e sem a pressão da prova cega. E eles foram:
.Passagem Reserva 2015 - enologia de Jorge Moreira, considerado o melhor branco em prova no Concurso dos Vinhos do Douro Superior, organizado pela Revista de Vinhos; nariz intenso, muito frutado, prevalecendo os citrinos, boa acidez, alguma gordura, volume e final de boca; elegante e gastronómico. Nota 17,5+.
.La Rosa Reserva 2015 - também enologia de Jorge Moreira; com base na casta Viosinho (60 %) e em vinhas velhas (40 %), estagiou em barricas de carvalho francês (50 %) e em inox (50 %); aroma exuberante, frescura e mineralidade, notas florais, acidez equlibrada, volume e final de boca médios. Nota 17.
.Meruge 2014 - enologia de Paulo Ruão, classificado com 90 pontos na Wine Spectator; com base na casta Viosinho em vinhas velhas, estagiou em barricas de carvalho francês; notas de casca de laranja e fruta de caroço, acidez no ponto, gordura, algum volume e final de boca. Gastronómico. Nota 17,5.
.Mirabilis Grande Reserva 2014 (garrafa nº 4087 de 6000) - enologia de Jorge Alves, obteve 92 pontos na Wine Enthusiast e foi o branco vencedor do TOP 10 Vinhos Portugueses da revista Wine; com base nas castas Viosinho, Gouveio e em vinhas velhas, estagiou 9 meses em barricas de carvalho francês e húngaro; aromático, presença de citrinos e maçã, acidez equilibrada, madeira bem casada, alguma mineralidade, volume e final de boca médios. Nota 17 (apesar do curriculo).
.Czar Superior 2009 Doc Pico (garrafa nº 1094 de 2400) - produzido por Fortunato Garcia; com base nas castas Verdelho, Arinto dos Açores e Terrantez do Pico, a partir de ums vinha centenária, estagiou 4 anos em cascos de carvalho francês; frutos secos, notas de brandy e iodo, alguma acidez, volume e final de boca. Embora no rótulo conste como meio doce, é um desastre com sobremesas. É, antes, meio seco e serve perfeitamente como aperitivo. Nota 17,5.

Sem comentários:

Enviar um comentário