sábado, 28 de outubro de 2017

Curtas (XCIII) : o evento, os premiados, o vinho e o filme

1.O Evento
O evento do ano, obviamente "Grandes Escolhas - Vinhos e Sabores 2017", a decorrer na FIL até dia 30 (começou ontem), teve a assinatura da equipa da antiga Revista de Vinhos, com provas dadas nos anos em que decorreu no Pavilhão de Congressos (na Junqueira).
Esta nova versão, a 1ª a ser realizada na FIL, onde podem ser provados mais de 2000 vinhos, conta com 232 expositores de vinhos (em 2016 eram 226), 36 de sabores (eram 28) e 12 de acessórios (eram 10), para além de uma dúzia de grandes provas.
Tenciono estar presente no dia 30, data reservada aos profissionais. Disso darei conta oportunamente.
2.Os Premiados
No âmbito deste evento, foi previamente organizado o 1º Concurso de Vinhos "Grandes Escolhas", herdeiro do "Escolha da Imprensa", cujos 48 jurados (fiz parte do painel, como responsável do blogue enófilo militante) avaliaram 403 vinhos às cegas, durante uma longa manhã, no espaço do restaurante de Montes Claros, muito bem organizado e com uma logística perfeita.
Seguiu-se uma finalíssima entre os 3 melhores de cada uma das categorias (à excepção dos rosés), saídos dos 88 vinhos com as notas mais altas e que também tiveram direito a um prémio Grandes Escolhas.
E os vencedores foram:
.Espumantes - Murganheira Blanc de Noirs Touriga Nacional 2009 (entre 14 Grandes Escolhas)
.Brancos - Marquesa de Alorna Grande Reserva 2015 (entre 21)
.Tintos - Cortes de Cima Touriga Nacional 2014 (entre 34)
.Fortificados/Licorosos - Vasques de Carvalho 40 Anos (entre 13)
3.O Vinho
Luis Sottomayor, enólogo principal da Sogrape, acabou de enunciar o próximo lançamento do Casa Ferreirinha Reserva Especial 2009, que já vai na 17ª edição.
Este Reserva Especial foi vinificado com base nas castas Touriga Franca (45 %), Touriga Nacional (30 %), Tinta Roriz (15 %) e Tinto Cão (10 %) das vinhas da Qtª da Leda, tendo sido engarrafado em 2011.
Segundo o enólogo "Estamos perante um vinho de recorte clássico, rico e complexo, que honra em plenitude os pergaminhos de qualidade excepcional próprios de um Reserva Especial (...)".
O P.V.P. recomendado é de 175 €. A ver vamos...
4.O Filme
Estreou-se na 5ª feira o filme "Aquilo que nos une", do realizador francês Cédric Klapish, que decorre no mundo do vinho de uma família francesa e que, segundo alguém escreveu, "Podia ser a história de qualquer família vinícola em Portugal".
Ainda não o vi, mas não o posso nem devo perder.
Enófilos, todos ao cinema!

Sem comentários:

Enviar um comentário