quinta-feira, 21 de dezembro de 2017

Francisco Albuquerque : injustiçado uma vez mais (II)

...continuando:
Nesta 2ª parte, procurarei inventariar as ocasiões em que o Francisco Albuquerque (FA) esteve presente na apresentação de vinhos da Madeira Wine, nas quais participei e referi oportunamente neste mesmo blogue. Ficam por relatar mais umas tantas em que não estive (por exemplo, na Garrafeira Nacional e no restaurante Via Graça) ou que nem sequer tive conhecimento.
Ei-las:
."Jantar no Corte Inglês", crónica publicada em 9/5/2010, onde o FA pôs à prova os Blandy's Malvasia 1992 e o grande Bual 1948.
."O Francisco não merecia isto!", em 15/7/2010, onde se fala de uma apresentação de 5 Colheitas e 3 Frasqueiras (Bual 1980,Terrantez 1976 e Bual 1968), seguida de jantar. Este evento foi organizado pelo Rui Lourenço Pereira (Qtª Wine Guide) e decorreu no restaurante do Clube dos Jornalistas.
."Blandy e Francisco Albuquerque : os incompreendidos", em 12/7/2011, onde se refere um jantar na Commenda (na altura o restaurante de referência do CCB) comemorativo dos 200 anos da Blandy, contando também com a presença do Chis Blandy. Este evento contou com a presença de 60 participantes da Tertúlia Madeirense e 40 antigos amigos e clientes das Coisas do Arco do Vinho, tendo o Adelino de Sousa, ao pertencer simultaneamente aos 2 grupos, sido o grande impulsionador.
No decorrer do mesmo o FA apresentou 13 (treze!) vinhos Madeira, dos quais 5 eram 40 Anos (Cercial, Verdelho, Terrantez, Bual e Malvasia). Foram ainda servidos 6 Frasqueiras, o que incluiu o Bual 1920, a jóia da coroa da Madeira Wine. Bingo!
A equipa da Maria João Almeida, que também esteve presente neste irrepetível evento, entrevistou o FA, o Chris e o Adelino.
."Um jantar com o Francisco Albuquerque", em 22/5/2014, onde se refere um jantar que decorreu no Real Palácio, desta vez com a presença de uma série de responsáveis por pontos de venda e representantes de órgãos da imprensa especializada (Revista de Vinhos e Wine Passion) e generalista. Foram apresentados alguns colheitas de 1998, mas a estrela da noite foi o lançamento nacional do Blany's Frasqueira Malvasia 1988.
."Curtas (LVIII) : as novidades da Blandy (...)", em 5/5/2015, onde se fala numa apresentação de vinhos Madeira no Hotel Porto Bay Liberdade, mais uma vez com o FA.
."A Madeira em Lisboa", em 8/12/2015, onde se refere uma nova apresentação no Porto Bay, que contou também com a presença do Chris Blady, tendo o FA apresentado 1 Colheita e 5 Frasqueiras, com destaque para o fabuloso Terrantez 1977.
."Vinhos da Madeira em Lisboa : Barbeito, Blandy's e Borges", em 10/11/2016. Este evento, um dos acontecimentos do ano 2016, foi organizado pela Garrafeira Néctar das Avenidas (João e Sara Quintela) e decorreu na sala nova do restaurante Casa do Bacalhau, totalmente lotada. Para além da presença do FA que apresentou 4 vinhos Madeira, também estiveram o Ricardo Diogo (Barbeito) e o Ivo Couto (Borges) com mais outros tantos.
Resta dizer que o grupo de prova de vinhos Madeira, do qual faço parte, já participou em 27 almoços ou jantares, onde em todos eles se provam/bebem néctares daquela ilha.
Mas, por  ter sido muito especial, realço o jantar na Casa da Dízima, por iniciativa do Adelino e com a presença do FA, onde também participaram, como nossos convidados, a Sandra Tavares da Silva e o Jorge Serôdio Borges. Este evento deu origem à crónica "678 anos de vinhos fortificados (...)", publicada em 15/12/2015.
A lista vai longa, mas creio que chega para confirmar que o Francisco Albuquerque teria merecido ser referido pelo Pedro Garcias no artigo da Fugas citado na 1ª parte desta crónica.
 

Sem comentários:

Enviar um comentário