terça-feira, 8 de janeiro de 2019

2018 : na hora do balanço (III) - TOP Fortificados

A crónica de hoje é dedicada aos vinhos fortificados (Porto, Madeira e Moscatel, onde incluo a casta Bastardo), provados no decorrer de 2018, na sequência e com a mesma metodologia dos brancos e dos tintos.
E eles são:
.Artur Barros e Sousa Boal 1860, com 19,5
.Artur Barros e Sousa Malvasia da Fajã
.Artur Barros e Sousa Verdelho Velho 1965
.Borges Sercial 1979
.Cossart Gordon Bual 1969
.José Maria da Fonseca Bastardinho de Azeitão 20 Anos
.Justino's Terrantez Old Reserve
.Krohn Colheita 1966
.Niepoort Garrafeira 1938
.Taylor's 40 Anos, todos com 19
Não foram incluídos por já constarem em Top's anteriores:
.FEM Verdelho Muito Velho
.FMA Bual 1964, ambos com 19,5
.Blandy Bual 1977, com 19
É, ainda, de inteira justiça listar os fortificados pontuados com 18,5+ e 18,5:
.José Maria da Fonseca Bastardinho de Azeitão 1927
.Blandy Solera Verdelho
.Blandy Terrantez 1976
.Instituto Vinho Madeira Reserva Velha
.Krohn Vintage 1931, todos com 18,5+
.Artur Barros e Sousa Malvasia 1965
.Artur Barros e Sousa Terrantez 1980
.Artur Barros e Sousa Terrantez 1981
.Barros Colheita 1963
.Blandy Sercial 1975
.José Maria da Fonseca Moscatel 1900
.Messias Colheita 1977
.Noval Vintage 1970
.PJL Bual 1880
.Sandeman 30 Anos, todos com 18,5
De salientar:
.dos 28 fortificados eleitos, 17 são Madeira (61 %), 8 são Porto (estando os tawnies em maioria) e 3 Moscatel
.dos 17 Madeira, 6 são Artur Barros e Sousa e 5 da Madeira Wine
.quanto às castas destes 17, a Bual (com 6) e a Terrantez (com 5) estão na frente, seguindo-se as restantes castas nobres (Sercial, Verdelho e Malvasia, com 2 cada), não havendo espaço para a Tinta Negra.

3 comentários:

  1. Perdoe-me o comentário um pouco mais picante. Isto devia ser proibido, devido ao nível de pornografia que contém.
    Um grande abraço Rui

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Rui,
      Também me constou que o meu amigo tem provado algumas destas pingas, no âmbito do Núcleo Duro.
      Abraço

      Eliminar